Páginas

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Paixão Por Paredes


               Uma das paixões que ganhei através foi sem dúvida a cultura pela arte. Quando falo em cultura refiro-me que a partir de obras, de temas surgidos delas, e de temas de para apresentações orais, descobrimos que temos muito mais do que aquilo que vemos sem darmos a devida importância. A última coisa pela qual me apaixonei ainda mais foi devido ao tema para a apresentação de português com um subtema à minha escolha do tema principal de Portugal. O tema que escolhi abordar foi a cultura portuguesa. Ao selecionar aquilo que iria falar e os tópicos mais importante que devia falar, apaixonei pelos reconhecidos azulejos português que caraterizaram o nosso país no que toca a artes visuais. 

                Estes azulejos são uma grande parte da nossa cultura e tradição. Estes apresentam-se na maioria das vezes em tons de azul e branco, sendo os tons mais tradicionais e originários destas peças. Mais tarde surgiu a junção do amarelo a esta mesma arte, levando depois à criação de uma variedade de cores utilizadas. Eles podem ter padrões geométricos, padrões ditos vintage que assentam numa estilo bastante elaborado e com inspirações nas antiguidades clássicas de países como Itália e Grécia, podem ter também retratados momentos históricos e marcos importante na sociedade portuguesa ao longo dos tempos, e também frases ou escrituras antigas e conhecidas.

                É comum encontrar-mos estes azulejos em monumentos, igrejas, catedrais e nos mais diversos sítios com origem nos séculos mais antigos. Além de haver grande variedade de azulejos nestes locais todos e muitos mais, existe uma particularidade que deixam cada azulejos ainda mais marcado, sendo que cada azulejo é único, não havendo dois azulejos iguais. Além de ser um facto interessante, é também compreensível, sendo que antigamente não eram usadas máquinas e meios de pintura em azulejos a não ser o trabalho manual, o que consistia em repetir a mesma pintura mais que uma vez e assim sendo não haveria a igualdade total entre eles.

Padrão mais utilizado em Portugal, sobretudo em igrejas.
Painel de azulejos representando a fundação de Colónia
Painel de azulejos com frase.

2 comentários:

Pedro Pádua disse...

Gosto mt de azulejo português, tanto que estou a pensar em tatuar só em azul uma série de padrões no meu braço dto. :-)

N a m o r a d o disse...

Tens que ir ao Museu do Azulejo.