Páginas

domingo, 7 de setembro de 2014

Change, Please!

               Quando a minha mãe me comparava com os outros dizia-lhe: "Não quero saber deles, eu sou eu.". Mas na verdade mãe é mãe e sabe sempre o que diz. Neste momento sei bem que o que ela dizia um dia podia servir para abrir os olhos à realidade.

               Neste caso sei que quando ela me comparava com alguém acerca dos estudos, ou mesmo quando o meu pai fazia os "discursos" sobre as notas e que o futuro tinha de ser eu a construí-lo, eu nunca ligava a importância devida. E aqui estou eu, repetindo disciplinas de 11º e 12º. Não há nada que custe mais de que saber que podia estar a entrar para a universidade e que as hipóteses de isso acontecer foram todas arruinadas por mim durante 2 anos. Custa ver todas as pessoas com quem costumamos partilhar o dia a dia, vê-las partir conseguindo o seu desejo de entrar na universidade.
               Não posso dizer que não estou feliz por eles, porque ia ser vingativo por algo que eu não consegui.


6 comentários:

Edna Patel disse...

Compreendo-te perfeitamente, mas talvez tenha sido o melhor :))

Mark disse...

Não fiques assim. A tua vez há-de chegar. Ainda não conseguiste, contudo, esta dificuldade momentânea ajudar-te-á a ter mais forças na persecução desse objectivo. :) Não desistas!

Os pais só querem o nosso bem. Às vezes, e não por mal!, não têm noção de que alguns comentários poderão magoar-nos...

Jenna disse...

Isso aconteceu-me no 9° ano, agora estou bem ciente dos meus objetivos, abri os olhos.

Pipe disse...

O facto de não teres entrado na faculdade não é razão para te comparares com os outros. Nunca é bom compararmo-nos com os outros, cada um é único.

MV*T disse...

R: sim em principio, andei a pintá-los para ver como ficam depois.

Também pensei nisso, quando cheguei ao fim do 12ºano e tive de fazer os dois anos num de uma disciplina. Passei um ano a ter aulas de 10&11 para finalmente entrar. Não me arrependo. Ao menos as escolhas que fiz no fim foi por mim e não por este vai para aqui e o outro para ali. **

D. Santos disse...

Se não entrares agora, entras depois. Não te preocupes :)